Carregando...
JusBrasil - Notícias
02 de setembro de 2014

"A decisão sobre a Telexfree é da Justiça e não do governador Tião Viana", afirma Santiago

Publicado por Assembléia Legislativa do Estado do Acre (extraído pelo JusBrasil) - 1 ano atrás

LEIAM 0 NÃO LEIAM

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Elson Santiago (PEN), suspendeu a sessão desta terça-feira, 2, para receber uma comissão composta de investidores da Telexfree, alguns vindos de outros estados. Durante o encontro, Santiago fez questão de afirmar que a suspensão das atividades da empresa foi uma decisão da Justiça acreana e não do governador Tião Viana, como membros da oposição chegaram comentar.

“O governador Tião Viana não tem nada a ver com isso, sempre que conversamos ele demonstra estar preocupado com essa situação. Não é justo atribuir a ele a suspensão das atividades da Telexfree, essa foi uma decisão da Justiça. Ele é um homem comprometido com o desenvolvimento do nosso Estado”, disse Santiago.

Santiago afirmou que vai manter contato com o Tribunal de Justiça (TJ), Ministério Público Estadual (MPE) e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para tentar um encontro com os representantes da Telexfree.

O bloqueio das contas da empresa se deu por conta da determinação judicial assinada pela juíza Thais Borges, que suspendeu as atividades da Telexfree bem como a realização de novos cadastros e o pagamento de divulgadores já cadastrados.

Durante a reunião com os parlamentares os divulgadores defenderam a empresa afirmando que suas atividades são legais e que a Telexfree é responsável pela renda de mais de seis milhões de brasileiros.

“Foi uma decisão equivocada e por isso estamos lutando por uma definição. Queremos resolver da melhor forma possível, mas se isso não ocorrer nós vamos fazer pressão, não temos medo de ninguém e nós não vamos recuar por isso estamos pedindo respeito. O que queremos é trabalhar”, disse um integrante da empresa.

De acordo com o baiano Dorian Silva, responsável pela chegada das atividades da empresa no Estado do Acre, a Telexfree mudou a realidade das famílias acreanas. “Minha maior felicidade é ver que milhares de famílias tiveram a oportunidade de mudar de vida, aqui no Acre muitos pais de famílias estavam sem perspectiva de vida e hoje com a atuação da empresa no Estado eles têm como colocar o pão na mesa no fim do mês”, ressaltou.

Representando os demais parlamentares, o deputado Helder Paiva (PR) sugeriu que fosse criada uma comissão especial composta por deputados e divulgadores da Telexfree, para discutir junto ao Tribunal de Justiça o caso.

“Eu não posso e nem tenho o direito de ir contra o povo brasileiro. Eu sugiro a criação de uma comissão especial composta por deputados e divulgadores da empresa para que juntos possamos discutir o caso no TJ e que essa reunião possa acontecer o mais rápido possível. A luta dessas pessoas se tornou a luta do Acre e nós não podemos virar as costas para essa multidão”, complementou.

O 1º vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado Moisés Diniz (PCdoB), informou que agendará uma reunião com o governador Tião Viana e com a Procuradoria Geral do Estado com o objetivo de encontrar alternativas para solucionar o caso.

“Proponho agendar uma reunião com o governador Tião Viana e a Procuradoria Geral para tratar o caso. Nós não estamos na época da ditadura, hoje as pessoas são livres para protestar contra o que quiser, essa é uma luta do Acre e nós, deputados, vamos nos unir a favor do nosso povo e da economia do nosso Estado”, disse.

Mircléia Magalhães

Agência Aleac

0 Comentário

Faça um comentário construtivo abaixo e ganhe votos da comunidade!

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "gritar" ;)

ou

×
Disponível em: http://al-ac.jusbrasil.com.br/noticias/100590742/a-decisao-sobre-a-telexfree-e-da-justica-e-nao-do-governador-tiao-viana-afirma-santiago